Por que é mais fácil e mais lucrativo anunciar na internet?

2 Comentários

Os comparativos entre os veículos de propaganda tradicionais e digitais são, quase sempre, inevitáveis. Para quem já experimentou as duas, é consenso que a mídia tradicional passa a ser coadjuvante responsável pela manutenção do renome da marca, enquanto a publicidade online foca na atração propriamente dita. Assim, anunciar na internet vem se tornando uma opção cada vez mais adotada, inclusive pelo governo!

Mas, enquanto muitos enxergam o potencial das plataformas digitais, poucos sabem o motivo ou sequer como funciona. Você sabe por que é tão mais fácil atrair e gerar vendas através de uma campanha nas plataformas digitais?

%image_alt%

Segmentação

Um dos principais recursos que torna o marketing digital uma solução com um custo-benefício tão alto é a possibilidade de escolher com que público deseja falar. Isso é vantajoso por um simples motivo: Imagine se sua empresa pudesse distribuir panfletos apenas para as pessoas que já possuem interesse no seu campo de atuação, você gastaria menos panfletos e teria uma chance maior de concretizar vendas.

Durante a entrega de um panfleto, ainda somos incapazes de adivinhar os interesses das pessoas na rua, mas na internet essas mesmas pessoas expressam muito mais claramente do que gostam! Você pode usar as páginas que seu público segue ou sites que ele lê para direcionar seu anúncio especificamente a este nicho. Ah, já que você está enviando sua publicidade para um público seleto, ela fica mais barata também!

Outra forma relevante de segmentação é quando se deseja atingir pessoas de uma localidade específica. Se o seu negócio é um estabelecimento físico, pode não haver motivo para divulgá-lo a pessoas de outro estado!

Métricas

Por mais doloroso que pareça, é fato que não há formas palpáveis de saber quantas pessoas viram uma propaganda na televisão ou quantos dos seus panfletos foram responsáveis por gerar vendas. Felizmente, no ambiente digital, é possível saber exatamente quantas pessoas viram e até clicaram no seu anúncio.

Com o planejamento adequado, você pode inclusive comparar estratégias – ver quais deram certo ou errado – ou então saber quantos dos cliques permaneceram na página, quais acessaram outras páginas e até, nos casos em que se aplica, quantos concretizaram uma venda!

%image_alt%

Remarketing

Suponhamos que você tem um ecommerce de utensílios para casa e um cliente acabou de comprar um colchão. Após ter conquistado uma venda (parabéns!), seria ótimo se você pudesse mantê-lo com você e fazer com que ele compre, por exemplo, um travesseiro. Quando o seu site está integrado com as plataformas em que está anunciando, você pode levar um anúncio específico para este contexto!

Isso não funciona só para pós-venda, no entanto. Se um comprador em potencial foi ao seu site pesquisar uma cama com um bom preço, ele pode receber um anúncio sobre um outro modelo que possa interessá-lo também.


Concluindo, a publicidade de fato mudou. A forma de se comunicar também! A criatividade já não é mais um processo sem dados ou métricas e as mídias tradicionais já não valem o preço de antigamente mesmo que este, em tempos atuais, esteja mantido.

 

, , ,

Confira também:

2 Comentários. Deixe novo

  • Olá Nabor Social. Muito bacana o post. Eu bem animado em aprender sobre mídias sociais com vocês. À propósito o php dos comentários de seu blog está em inglês. A ideia é essa mesmo? Anos e parabéns.

  • Olá, Pedro! Obrigado pelo comentário, agora está tudo certo. Nosso sistema de comentários é baseado no Disqus, que inclusive recomendamos pela riqueza de funcionalidades e pelas diversas opções de login!

Menu